soap #47 Afrodite

Chegaram os meus moldes de acrílico japoneses!!!!!!! Além de lindos, eles são funcionalmente perfeitos! É ultra fácil de desenformar o sabonete, facílimo também de lavar, muito úteis as marcações a cada meio centímetro de altura e tiveram ainda o cuidado de deixar os cantos e bordas do acrílico arredondados para não machucar. Extremamente bem feitos.

Como estou escrevendo esse post com atraso, já faz uns 2 meses que venho usando esses moldes. Desde que comecei a fazer sabonetes há 1 ano e meio, já experimentei moldes de tetrapak (caixa de leite reciclada), de silicone, de PVC, de madeira e agora esse de acrílico. Os três primeiros, posso dizer que para mim não servem. O de acrílico só perde para o de madeira num ponto, porque é frio e não retem tão bem o calor quanto o de madeira. Mas fora isso, não precisa forrar com papel manteiga (só precisa passar filme de plástico em cima e em baixo), o formato do sabonete fica super reto e é muito prático.

Afrodite é a deusa grega do amor. Ela é uma deusa bem mais complexa do que simplesmente isso, pois tem várias facetas. Mas uma delas é essa, de deusa do amor e da beleza corporal e uma das cores que a representam é o vermelho. A argila vermelha, que contem um elevado teor de ferro, entra aqui para colorir este sabonete que recebeu o nome da deusa.

Essa argila vermelha é um pouco mais grossa do que as outras argilas, por isso, o sabonete fica mais esfoliante.

A fragrância desse sabonete é uma sinergia de óleos essenciais de ylang ylang, regido por Afrodite e tem um aroma exótico e sensual, e limão siciliano. Gosto muito de combinar o ylang ylang, que tem um aroma muito doce e para algumas pessoas um pouco enjoativo (não para mim, eu adoro), com um óleo essencial cítrico, para equilibrar e acrescentar um pouco de frescor.

Essa cor avermelhada é do ylang ylang. Bonito né?

Dessa vez, eu usei pela primeira vez um outro antioxidante. Geralmente eu uso oleoresina de alecrim, mas quis experimentar o super CO2 de alecrim. É um líquido viscosíssimo e não passava pelo conta-gotas que vem acoplado no frasco. Tive que tirar o conta-gotas e foi um pouco difícil de dosar. Acho que coloquei um pouco a mais do que deveria. A concentração necessária desse antioxidante é de apenas 0,02 – 0,05% nas gorduras saturadas e 0,1 – 0,2 % nas gorduras poliinsaturadas. Aparentemente a sua ação antioxidante é mais potente que a vitamina E e o BHT (conservante tóxico) e o melhor, é natural e orgânico.

Achei que tinha encontrado o antioxidante da minha vida, mas aconteceu algo inesperado. Ao acrescentar a lixívia nos óleos, a massa começou a ficar com uma coloração avermelhada!

A única causa possível era o CO2 de alecrim, pois estava usando apenas óleos já conhecidos (azeite de oliva, palma, palmiste e rícino) e que dariam uma massa cor de creme, um pouco amarelada. Nossa, eu pensei, ainda bem que a intenção era fazer um sabonete vermelho, que boa coincidência!

Olha como ingredientes novos e desconhecidos sempre podem trazer surpresas, agradáveis ou não. Mas eu diria que essa é a graça dessa ativiade, porque sem surpresas, ficaria chato.

Bom, mas nesse caso, ainda bem que depois entrou a argila vermelha e que ficou tudo bem. Até porque, dessa vez eu estava fazendo uma quantidade bem maior do que o habitual, o dobro. Seria bem ruim se a intenção fosse, por exemplo, fazer um sabonete bem branquinho e acontecesse isso!

A foto acima é a massa já com a argila.

Produção: 02/05/2011

Liberado para uso: 30/06/2011

Ingredientes:

  1. azeite de oliva extra virgem
  2. óleo de rícino
  3. óleo de palmiste orgânico
  4. óleo de palma orgânico & kosher
  5. água desmineralizada
  6. NaOH
  7. argila vermelha
  8. OE ylang ylang
  9. OE limão siciliano
  10. CO2 alecrim

Olha a perfeição dessa quina! 😀

As minhas gavetas de secagem são as que eu usava para secar fotografias que eu mesma revelava e ampliava no meu laboratório, que hoje virou depósito de material para sabonetes.

Eles ficam aqui no escurinho durante 4 semanas antes de serem embalados. Isso permite que eles sequem e terminem o seu processo de saponificação e de neutralização do agente alcalino. No meio do período, eu viro os sabonetes para que a parte que ficou para baixo possa respirar também. É durante todo esse processo que a glicerina natural nasce e se forma dentro do sabonete. Que coisa mais incrível que o ser humano inventou, o sabão! Pena que essa arte foi esquecida e hoje a maioria dos sabonetes não passam de agressivos detergentes camuflados com aromas fortes e sintéticos.

Mas felizmente há pessoas que decidiram resgatar o bom e velho sabão natural e sou feliz por ser uma delas. Espero que o número dessas pessoas aumente cada vez mais 🙂

Voltando ao sabonete Afrodite, ele já secou, maturou e pode ser adquirido aqui (se ele não estiver mais na lista de sabonetes da loja quando você entrar na página, é porque já esgotou; aguarde a próxima leva!).

Anúncios

7 Respostas para “soap #47 Afrodite

  1. Adorei suas formas de acrílico….vc mandou fazer ou comprou prontas???
    Parabéns pelos sabonetes…são maravilhosos…
    Um abraço,
    Camila

  2. Oi Sachi, tudo bem?
    Lindo tudo que vc faz! E como vc escreve bem, uma delícia ler!
    Parabéns por ousar, experimentar e criar!
    Eu estou começando agora, pesquisando e estudando antes de fazer meu primeiro sabão. Adorei essas formas acrílicas. Vc comprou na loja Cafe japonesa? Vi o site em japonês, mas usei o tradutor do google. Eles entregam no Brasil? Isso não consegui ver.

    Obrigada, um beijo, Kátia

    • Oi Katia, obrigada 🙂
      Eles não entregam os moldes de acrílico no Brasil, infelizmente.
      Boa sorte na sua jornada! Pesquise, estude e experimente bastante, pois só assim você fará o seu sabão original.

  3. Obrigada Sachi por responder!
    Pretendo criar, entender o processo e passar pelos improvisos, pois a graça está na aventura de ser original.
    Mais uma vez, parabéns!

    Beijos, Kátia

  4. Mais uma vez parabéns pelo que vc posta. O bom gosto e a clareza são uma marca sua.
    Vi esse bate-papo aqui sobre suas formas de acrílico. O que mais me agrada nelas é justamente as arestas exatas e a graduação. Você falou que eles não entregam? Como é possível adquirir moldes desse?
    Bj
    Mari

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s